PORQUE UTILIZAR A MEDIAÇÃO/CONCILIAÇÃO

São inúmeras as vantagens alcançadas quando as partes em comum acordo chegam a um consenso, dentre elas citamos:

1- A rapidez com que se pode resolver um conflito. Em geral é mais ágil e de menor custo financeiro, se comparado a processos judiciais que se desenrolam em nosso sistema judiciário;

2- Rapidez. Em regra geral por se tratar de um acordo onde ambas as partes discutem e resolvem diretamente seus conflitos, sem a interferência de partes agregadas ao conflito indiferentes a causa, diferente de um processo judicial, surge a possibilidade de um resultado definitivo e rápido.

3- segurança jurídica. A decisão poderá ser homologada por um juiz, tornando-a assim uma sentença judicial;

Por comprovado índice de eficácia, ou seja, 90% dos casos são resolvidos na mediação de forma definitiva, sem descumprimento pelas partes;

Pela aplicabilidade legal instituída pela Lei 13.105/15 (Código de Processo Civil) e pela Lei da Mediação junto ao Poder Judiciário, que determina a aplicação da mediação nos processos judiciais;

Porque, segundo dados do TJSP, de 2012 a 2016, a procura pela resolução de conflitos pela mediação, fora do âmbito processual, teve um aumento significativo de 10%;

Por ter acesso à profissionais capacitados e habilitados, todos mediadores judiciais credenciados pelo TJ, que utilizam de técnicas apropriadas de negociação e administração de conflitos, atuando de forma neutra e imparcial que empoderam as pessoas na busca da solução, sem emitir juízo de valores;

Por ser confidencial, ou seja, todas as informações discutidas e reveladas na mediação não poderão ser expostas. Os mediadores são impedidos por lei de testemunhar sobre os casos que atuam;

Por se tratar de um processo informal e estruturado, onde as partes têm uma participação efetiva na composição da solução da situação conflituosa vivida por elas;

Por ser eficaz, pois o acordo contempla as necessidades e interesses reais das partes, uma vez que esse acordo é construído por ambos, diferentemente do Poder Judiciário, onde a decisão judicial pode não atender as reais necessidades e expectativas das partes;

Por ser isento do desgaste que um processo judicial pode acarretar, tais como: emocionais, custas processuais, periciais, emolumentos, etc;

Por conceder às pessoas espaço e oportunidade para expor seus pontos de vista e fundamentações pelo tempo necessário;

Por restabelecer e manter relações interpessoais tais como: familiar, profissional, comercial, fidelização de clientes, entre outras.

Opte!

Através do Formulário você pode nos enviar cópias dos documentos relativos ao seu problema (ex.: Contratos, acordos etc) e já terá dado o primeiro passo para resolver o seu problema.

Indique também em quantas parcelas você pretende saldar seu compromisso.